Carro elétrico “recarregado” com etanol?

Solução seria “sopa no mel” no Brasil, pois o etanol pode ser encontrado em qualquer posto, e tornaria carros elétricos mais viáveis

 

Ideia consiste em extrair o nitrogênio presente no etanol para alimentar a Fuel Cell, que gera energia para movimentar o carro elétrico.

 

A Nissan é a única fábrica no Brasil que desenvolve um carro elétrico movido por célula a combustível. Porém, sem os problemas de produção e armazenamento do hidrogênio, combustível usado em todos os outros automóveis que usam esta tecnologia (Fuel Cell).

E, para isso, a filial brasileira da marca japonesa acaba de renovar um convênio com o IPEN (Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares) ligado à USP: a ideia é extrair do etanol o hidrogênio necessário para a célula a combustível.

Ou seja, uma solução que para o Brasil é “sopa no mel”, pois o carro para no posto, se abastece de etanol e dele se extrai o hidrogênio que vai alimentar a Fuel Cell que gera a energia elétrica para movimentar o carro.

Então, ao final do projeto, o Brasil terá seu automóvel elétrico sem limite de autonomia, pois é “recarregado” pelo etanol que se encontra em qualquer posto do país.

 

 

Fonte: https://autopapo.uol.com.br/blog-do-boris/carro-eletrico-recarregado-com-etanol/

Compartilhe essa notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.