Brasil bate recorde de comercialização de combustíveis em 2021

Aumento indicou o retorno da mobilidade urbana após o primeiro ano da pandemia da Covid-19

 

Mesmo com a inflação, o Brasil bateu o recorde de venda de combustíveis em 2021. Segundo dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o país comercializou 139,5 bilhões de litros, 6% a mais em comparação a 2020.

Se levar em consideração apenas etanol, gasolina e diesel, os combustíveis mais populares entre os brasileiros, o resultado também foi recorde, de 118 bilhões de litros. Na comparação com o ano passado, as vendas de diesel subiram 8,1%.

As vendas de gasolina somaram 39,3 bilhões de litros em 2021, 9,7% a mais do que em 2020, indicando um retorno da mobilidade urbana após muitas restrições no primeiro ano da pandemia.

O etanol foi o único que teve queda na comercialização. Foram vendidos 16,7 bilhões de litros, uma queda de 13% em comparação ao ano anterior. Isso pode ser resultado direto do aumento do preço, fazendo o combustível ser menos rentável em comparação a gasolina.

As vendas de querosene de aviação (QAV) continuaram abaixo da média, porém 22,8% acima do desempenho do ano passado, totalizando 4,3 bilhões de litros. A expectativa é de aumento com a retomada do turismo.

Fonte: https://cultura.uol.com.br/noticias/46457_brasil-bate-recorde-de-comercializacao-de-combustiveis-em-2021.html

 

Compartilhe essa notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.