Lula afirma que Petrobras aumenta preço de combustível para pagar acionistas nos EUA

Petista criticou a política de reajustes adotada pela estatal, que recentemente anunciou o aumento do diesel nas refinarias de todo país.

 

Líder nas pesquisas de intenção de voto para a eleição presidencial do próximo ano, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez duras críticas à política de preços dos combustíveis adotada pela Petrobras.

Em uma declaração feita nesta quarta-feira, 29, o petista afirmou que os valores elevados adotados pela estatal, e que recaem sobre os consumidores brasileiros, são para pagar dividendos a acionistas nos Estados Unidos. A fala de Lula foi uma resposta ao recente anúncio de alta do preço do diesel nas refinarias, feito na véspera pela Petrobras.

A companhia confirmou um reajuste de quase 9% do diesel, que acumulava 85 dias de estabilidade nos preços. Agora, somados os preços médios da gasolina e do diesel, o percentual acumulado é de mais de 50% só neste ano.

“Mais uma alta do diesel. Não tem explicação subordinar os preços dos combustíveis ao mercado internacional. O que está acontecendo é que a Petrobras está acumulando verba pra pagar acionista americano. Não tem explicação”, declarou Lula em entrevista à Rádio Capital de Cuiabá. Alguns trechos do encontro foram publicados na conta do petista no Twitter.

Política de preços da Petrobras

Uma das causas para o aumento dos combustíveis no país está relacionada à política de preços adota pela Petrobras. Isso porque a estatal reajusta os valores cobrados em suas refinarias no Brasil tendo como referência as oscilações do preço do petróleo comercializado no mercado internacional. Outro ponto de origem para os aumentos está na variação do real diante do dólar.

A alta nos preços dos combustíveis tornou-se um dos principais motores que aceleram os índices da inflação no país. Do lado do governo, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tem criticado duramente o imposto cobrado por governadores dos estados, o ICMS, além de declarar que não interferirá na atuação da Petrobras. Os governadores negam que o ICMS seja a causa da elevação de preços.

Em resposta, a Petrobras justificou que o recente aumento no diesel busca “garantir que o mercado siga sendo suprido em bases econômicas e sem riscos de desabastecimento pelos diferentes atores responsáveis pelo atendimento às diversas regiões brasileiras: distribuidores, importadores e outros produtores, além da Petrobras”. Ademais, para a estatal, o novo reajuste “reflete parte da elevação nos patamares internacionais de preços de petróleo e da taxa de câmbio.”

 

Fonte: https://capitalist.com.br/lula-afirma-que-petrobras-aumenta-preco-de-combustivel-para-pagar-acionistas-nos-eua/

Compartilhe essa notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.