Gasolina chega a R$ 6: Saiba quando vale a pena trocar pelo GNV

A alta assustadora no preço dos combustíveis no país tem levado consumidores a repensar o uso de veículos movidos a gasolina e etanol. Para os trabalhadores do transporte, como motoristas de aplicativo e entregadores, o aumento significa mais horas de trabalho para manter a mesma faixa de lucro.

Entre agosto de 2020 e julho de 2021, o preço da gasolina 40%. Já o etanol registrou alta de 56,5%.

Para fugir dessa disparada, motoristas estão buscando oficinas de instalação do kit-gás, já que o metro cúbico do Gás Natural Veicular (GNV) subiu cerca de 27% em igual período, de acordo com dados da Fundação Getulio Vargas (FGV).

Mesmo também tendo sofrido um aumento significativo, o rendimento e 0 desconto no Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) ainda tornam o GNV competitivo em relação aos demais combustíveis.

Procura

As oficinas relatam alta de cerca de 15% na procura por orçamentos de instalação, embora ainda não hajam dados oficiais. O veículo movido a GNV oferece desempenho por quilômetro rodado, com rendimento 20% superior à gasolina e 50% maior que o etanol.

“Apesar dos últimos aumentos, o GNV não deixou de ser competitivo frente a gasolina e etanol, considerando o rendimento médio de cada combustível. Para cada um real gasto com GNV, o motorista vai conseguir rodar mais do que o dobro que rodaria com gasolina ou etanol”, explicou Celso Mattos, presidente do Sindicato da Indústria de Reparação de Veículos e Acessórios do Rio (Sindirepa).

“Não duvido que o valor da gasolina possa encostar em R$ 7 ainda em 2021. O preço do GNV é menos sujeito a estas oscilações. Mas não tenho certeza se compensa no longo prazo”, afirmou André Braz, economista do Ibre-FGV.

Fonte: https://capitalist.com.br/gasolina-chega-a-r-6-saiba-quando-vale-a-pena-trocar-pelo-gnv/

 

Compartilhe essa notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.