Etanol: setor pede apoio do governador de Goiás contra tributação

O Sifaeg também solicitou auxílio de Ronaldo Caiado sobre a importação do etanol norte-americano com tarifa de 20%, considerada fundamental neste momento.

 

etanol, Biocombustível

 

O presidente-executivo do Sindicato da Indústria de Fabricação de Etanol do Estado de Goiás (Sifaeg), André Rocha, reuniu-se nesta segunda-feira, 6, com o governador Ronaldo Caiado (DEM), para solicitar apoio em duas pautas ligadas ao setor sucroenergético em âmbito nacional.

De acordo com Rocha, o avanço do Renovabio, principal programa do governo de incentivo à produção de biocombustíveis, está ligado à taxação dos créditos de descarbonização (Cbios). O setor defende uma cobrança de 15% incidente sobre o ativo ambiental, enquanto o governo mantém uma taxa que inclui a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) e chega a 34%.

O Sifaeg também solicitou auxílio do governador sobre a importação do etanol norte-americano com tarifa de 20%, considerada fundamental neste momento, diante da queda acentuada do consumo de combustíveis no Brasil. “Solicitamos apoio do governador a esse pleito para que ele faça gestões junto aos ministérios da Agricultura e da Economia para que essa taxa seja mantida”, disse o executivo. Participaram da conferência virtual, ainda, o presidente da Associação Pró-Desenvolvimento Industrial de Goiás (Adial), Otávio Lage de Siqueira e os secretários da Indústria e Comércio, Economia e da Secretaria geral da Governadoria.

 

 

Fonte: https://www.canalrural.com.br/noticias/agricultura/etanol-goias-tributacao/

 

Compartilhe essa notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.