Etanol: ‘Aumento na mistura de biodiesel ao diesel pode sustentar setor’

O comentarista Benedito Rosa acredita que a proposta não é suficiente para salvar o segmento e defende ‘ação coordenada’ envolvendo governos estaduais e federal.

O aumento da mistura do biodiesel no diesel no Brasil pode permitir que o setor de etanol mantenha a produção nos níveis atuais, mesmo com a queda na demanda por combustíveis em função da pandemia do novo coronavírus, avalia a Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove).

O aumento da mistura do biodiesel no diesel no Brasil pode permitir que o setor de etanol mantenha a produção nos níveis atuais, mesmo com a queda na demanda por combustíveis em função da pandemia do novo coronavírus, avalia a Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove).

Mas apesar de todos os esforços do setor sucroenergético para tentar minimizar os prejuízos da paralisação da economia, a cadeia produtiva aguarda ansiosa medidas públicas para evitar danos irreversíveis a produtores e indústrias.

O comentarista do Canal Rural Benedito Rosa acredita que a alternativa que a Abiove propõe de adicionar 2% de óleo de soja ao biodiesel não é suficiente. De acordo com ele, cabe aos governos estaduais e federal tomarem medidas para que o setor sobreviva à pandemia. “Uma ação coordenada, não só de adicionar 2%, mas que envolva suspensão de PIS/Cofins e contribuição de ICMS”, diz.

Sem tais medidas de auxílio, Rosa afirma que setor não aguenta por muito mais tempo e pode até mesmo chegar à falência.

Fonte: https://www.canalrural.com.br/programas/informacao/rural-noticias/etanol-aumento-na-mistura-de-biodiesel-ao-diesel-pode-sustentar-setor/

 

Compartilhe essa notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.